Perfil

:: Coloque aqui seu perfil



Contador de Visitas



Arquivos

13/02/2011 a 19/02/2011

23/01/2011 a 29/01/2011

08/11/2009 a 14/11/2009

01/11/2009 a 07/11/2009

25/10/2009 a 31/10/2009

18/10/2009 a 24/10/2009

11/10/2009 a 17/10/2009

04/10/2009 a 10/10/2009

14/06/2009 a 20/06/2009

03/05/2009 a 09/05/2009

19/04/2009 a 25/04/2009

05/04/2009 a 11/04/2009

29/03/2009 a 04/04/2009

22/03/2009 a 28/03/2009

15/03/2009 a 21/03/2009

08/03/2009 a 14/03/2009

01/03/2009 a 07/03/2009

22/02/2009 a 28/02/2009

15/02/2009 a 21/02/2009

08/02/2009 a 14/02/2009

01/02/2009 a 07/02/2009

25/01/2009 a 31/01/2009

18/01/2009 a 24/01/2009

11/01/2009 a 17/01/2009

04/01/2009 a 10/01/2009

28/12/2008 a 03/01/2009

21/12/2008 a 27/12/2008

07/12/2008 a 13/12/2008

23/11/2008 a 29/11/2008

16/11/2008 a 22/11/2008

09/11/2008 a 15/11/2008

02/11/2008 a 08/11/2008

26/10/2008 a 01/11/2008

19/10/2008 a 25/10/2008

12/10/2008 a 18/10/2008

05/10/2008 a 11/10/2008

28/09/2008 a 04/10/2008

21/09/2008 a 27/09/2008

14/09/2008 a 20/09/2008

07/09/2008 a 13/09/2008

31/08/2008 a 06/09/2008

24/08/2008 a 30/08/2008

17/08/2008 a 23/08/2008

10/08/2008 a 16/08/2008

03/08/2008 a 09/08/2008

27/07/2008 a 02/08/2008

20/07/2008 a 26/07/2008

13/07/2008 a 19/07/2008

06/07/2008 a 12/07/2008

29/06/2008 a 05/07/2008

22/06/2008 a 28/06/2008

15/06/2008 a 21/06/2008

08/06/2008 a 14/06/2008

01/06/2008 a 07/06/2008

25/05/2008 a 31/05/2008

18/05/2008 a 24/05/2008

11/05/2008 a 17/05/2008

04/05/2008 a 10/05/2008

27/04/2008 a 03/05/2008

20/04/2008 a 26/04/2008

13/04/2008 a 19/04/2008

06/04/2008 a 12/04/2008

30/03/2008 a 05/04/2008

23/03/2008 a 29/03/2008

16/03/2008 a 22/03/2008

09/03/2008 a 15/03/2008

02/03/2008 a 08/03/2008

24/02/2008 a 01/03/2008

17/02/2008 a 23/02/2008

10/02/2008 a 16/02/2008

03/02/2008 a 09/02/2008

27/01/2008 a 02/02/2008

20/01/2008 a 26/01/2008



Links

:: UOL - O melhor conteúdo
:: BOL - E-mail grátis
:: Magia de Encantos
:: Leitura no ônibus
:: Blog da May Delfino
:: Serenella
:: Domínio Público
:: Eterna Sonhadora
:: Canto dos Templates
:: Erika
:: Conta Gotas
:: Magia Gifs
:: Thassia
:: Sonhos de Uma noite
:: Música, pemas e Muito mais
:: Sonhos-Secretos
:: MEU CANTO MEU ENCANTO
:: Cintia Guerreira
:: O Amor Sempre Vence
:: Rosa Matos
:: Alenne Carolina
:: Doces Momentos
:: Maravilhas Virtuais
:: Essencialmente Feminina
:: Morgana
:: SIMPLESMENTE MANUELA
:: Meu Arco Iris
:: Cantinho Da Rosa
:: Mundo do Kekko
:: Recanto da Mary
:: Eterno Em Nós
:: Paraiso Virtual
:: Halma Guerreira Poesias
:: Um Sonho A Mais
:: Jesus Minha Rocha
:: Sweet Dream
:: All Life
:: Blue Rosa
:: Delicate Love
:: Meu Recomeço
:: Finas Pétalas
:: Desejo Proibido
:: Jesus de Nazareth
:: Belas Coisas da Vida
:: Beija-Flor E Sonhadora
:: O Livro Dos Dias
:: Elenilde Cantinho do Artesanato
:: Coisas de Mulher
:: Gospel Gifs
:: Mundinho Rê Lua
:: Como anda Minha Vida
:: Bosque dos Sonhos



Template by

Encomende o seu:

www.rosimds.com.br



Esta página é melhor visualizada em 800x600

 

 

MINHA MÚSICA: "Quando a chuva passar / quando o tempo se abrir / abra a janela e veja / eu sou o sol". (...) QUANDO A CHUVA PASSAR - Ivete Sangalo

******

POESIA

"A lágrima, que teima em rolar / tem um gosto amargo / a noite vai passando / e eu no meu silêncio / chorando a minha solidão / ouvindo uma canção / escrevendo uma poesia / pra acalmar / minha vida vázia / a saudade latente / a falta sentida / o sonho que sonhei / não realizado / beijos, que não foram dados / na madrugada / quieta, enxugando a lágrima caída / uma tristeza só minha / me sinto perdida / sem rumo / sozinha". SOZINHA - autora: Neusinha

******

FRASE: "É fácil amar você, difícil é te esquecer". Eu, para?

 

:: Postado por Neusinha às 10h16

:: Enviar esta mensagem

LENDA DA AMAZÔNIA- A VITÓRIA RÉGIA

Conta a lenda que uma bela índia chamada Naiá apaixonou-se por Jaci (a Lua), que brilhava no céu a iluminar as noites. Nos contos dos pajés e caciques, Jaci de quando em quando descia à Terra para buscar uma virgem e tranformá-la em estrela do céu para lhe fazer companhia. Naiá, ouvindo aquilo quis também virar uma estrela para brilhar ao lado de Jaci. Durante o dia, bravos guerreiros tentavam cortejar Naiá, mas era tudo em vão, pois ela recusa todos os convites de casamento. E mal podia esperar a noite chegar quando saía para admirar Jaci, que parecia ignorar sua presença. Esperava sua subida e descida no horizonte e já quase de manhãzinha saía correndo em sentido oposto o sol para tentar alcançar a Lua. Corria e corria, até cair de cansaço no meio da mata. Noite após noite, a tentativa de Naiá se repetia. Até que adoeceu. De tanto ser ignorada por Jaci, a moça começou a definhar. Mesmo doente não havia uma noite, que não fugisse para ir em busca da Lua. Numa dessas vezes, a índia caiu cansada à beira de um igarapé. Quando acordou, teve um susto e quase não acreditou: o reflexo da Lua nas águas claras do igarapé a fizeram isultar de felicidade! Finalmente estava ali, bem próxima de suas mãos. Naiá, não teve dúvidas: mergulhou nas águas profundas, mas acabou se afogando. Jaci vendo o sacrifício da índia resolveu transformá-la numa estrela incomum. O destino de Naiá não estava no céu, mas nas águas a refletir o clarão do luar. Naiá virou a Vitória Régia, a grande flor amazõnica de águas calmas que só abre suas pétalas ao luar.

 

 

:: Postado por Neusinha às 10h01

:: Enviar esta mensagem

POESIA

"Há um silêncio medido / que decresce interrompido / por uma chuva noturna e grossa /há pneus passando / logo em frente desta porta / são chiados transitórios de trânsito / que cortam em partes esta noite / há uma memória de  beija-flor / visto pela tarde /conectando inquietos pensamentos / há sementes de girassóis / para eu plantar / só pra te contar / há orquídeas esquecidas / nos xaxins / bebendo água em gotas /há uma rua tão calada / cães que agora não ladram / televisões desligadas / há uma mulher sem sono / em cama macia e quente / e há um amor ausente". INSONIA - Rosa Clemente

:: Postado por Neusinha às 09h44

:: Enviar esta mensagem

O SIGNIFICADO DA PALAVRA SAUDADE

Saudade é uma das palavras mais presentes nas poesias de amor da língua portuguesa e também na música popular. Saudade, só conhecida em galego-português, descreve a mistura de sentimentos de distância , de perda e amor. A palavra vem do latim "solitas, solitates" (solidão) na forma arcaíca "soedade, soidade e suidade" e sob influência de "saúde e saudar". Diz a lenda que foi cunhada na época dos Descobrimentos, e no Brasil Colônia esteve muito presente para definir a solidão dos portugueses numa terra estranha, longe dos entes queridos. Define, pois, a melâncolia cauusada pela lembrança, a mágoa, que se sente pela ausência de pessoas queridas. Fonte: Wikpédia, a Enciclopédia Livre.

FRASE" Saudade, palavra doce, que traduz tanto amargor. Saudade, é como se fosse, espinho ferindo a flor".

 

:: Postado por Neusinha às 09h36

:: Enviar esta mensagem

INESQUECÍVEL CAZUZA

"Quando a gente conversa / contando casos, besteiras / tanta caoisa em comum / deixando escapar segredos / e eu não sei que hora dizer / me dá um medo, que medo / é que eu preciso dizer que te amo / te ganhar ou perder sem engano / e, eu preciso dizer que te amo tanto / e até o tempo passa arrastado / só pra eu ficar do teu lado / você me chora dores de outro amor / se abre e acaba comigo / e nessa novela eu não quero / ser teu amigo / / é que eu preciso dizer que te amo / te ganhar ou perder sem engano / é, eu preciso dizer que te amo, tanto / eu, já nem sei se eu tô misturando / eu perco o sono / lembrando em cada riso teu / quanquer bandeira / fechando e abrindo a geladeira / a noite inteira / eu preciso dizer que te amo / te ganhar ou perder sem engano / eu preciso dizer que te amo, tanto". EU PRECISO DIZER QUE TE AMO - Cazuza

CAZUZA - "TEU CODINOME É BEIJA-FLOR"

Se Cazuza ainda estivesse entre nós, teria completado ontem (04 de abril) 50 anos. Porém, o encanto da sua poesia vai estar sempre entre nós. 

 

:: Postado por Neusinha às 09h25

:: Enviar esta mensagem

 

MINHA MÚSICA: (...)"Ouça um bom conselho que te dou de graça/ Inútil dormir / que a dor não passa." (...) BOM CONSELHO  - Chico Buarque.

******

POESIA

"Você é minha descoberta / um brilhante / que não lapidei /o sonho de ser feliz / um amor / que cresce como a flor de primavera / você é o meu outono sem luz / você me emociona / e me faz esperar / o teu amor receber / uma realidade esperada / uma saudade calada / você é meu tudo e meu nada / você é quem eu quero na minha vida / você é minha alegria / minha ferida /  você / pra amar de verdade / do meu sonho / para minha realidade / você enfim / é tudo pra mim". TUDO PRA MIM - autora Neusinha

******

FRASE: "Deixa o amor acontecer. Faz de conta que o mundo não tem pressa. Até o dia amanhacer. Eu e você...eu e você".

:: Postado por Neusinha às 09h16

:: Enviar esta mensagem

CRÔNICA DE HOJE: RECOMEÇO

Ela estava passando por uma crise existencial, que muitos chamam de crise da meia idade. A casa outrora cheia e alegre com a presença dos filhos, agora estava triste e vázia, pois estes seguiram seus caminhos, e há seis meses, o marido amado e companheiro de quase três décadas falecera. A dor  da perda era insuportável. à noite em seu quarto, a cama vázia aumentava o sofrimento, e a solidão a devorava. A vida para ela, tornara-se monótona, triste, sem sentido. Numa certa manhã enquanto tomava o café, os pensamentos a levavam à um passado, que apesar de das dificuldades, e de muitos atropelos, fora feliz. Agora ela estava só, após ter dedicado aos marido e aos filhos, os melhores anos de sua vida, de ter abdicado de muitos sonhos, para ser esposa e mãe. Ela estava alí absolutamente só. De repente tomou uma decisão, e após terminar o café, levantou-se de um ímpeto e começou a fazer uma arrumação geral na casa, trocando móveis de lugar, quadros, retirando dos armários e das gavetas pertences do falecido marido, que lá ainda estavam. Ao terminar, sentiu-se renovada, banhou-se, olhou-se no espelho, e descobriu, que ainda era uma bela mulher. Vestiu-se com cores alegres, maquiou-se discretamente e saiu. Dirigiu-se ao cemitério, levando flores que depositou no túmulo do falecido, e em oração agradeceu aos quase trinta anos de feliz  vida em comum. Despediu-se e saiu, em busca de uma nova vida e quem sabe de um novo amor. autora: Neusinha

:: Postado por Neusinha às 09h09

:: Enviar esta mensagem

  LISTA NEGRA

        

               O "Rei Sol" está na lista negra do Ibama "por atividades ilegais". Que novidade!

:: Postado por Neusinha às 08h49

:: Enviar esta mensagem

POESIA

"Ultrapassei séculos / vivi entre castelos / sobrevivi terremotos / até vulcões / passei por guerras / oceanos e desertos / sobrevivi entre...geadas...eras glaciais /  até ultrapassei barreiras / entre o tempo e o espaço / com a única intenção / só pra chegar assim...pertinho / bem pertinho de ti / pra sentir teu coração / tua emoção...teu pulsar / pra me envolver com a tua essência / e me deixar morrer em teus braços".  MEU AMOR - Emanoella Lebasttos

******

FRASE: "Amor, desejo latente, eu e você somente". Por: Neusinha

:: Postado por Neusinha às 08h47

:: Enviar esta mensagem

 

 

MINHA MÚSICA: "Qualquer coisa no meu coração / vem dizer que isso é paixão / de repente eu não conheço mais / meus desejos...sentimentos / eu só posso te dizer / que eu preciso de você". (...) DE VOLTA PRO AMOR _ YAHOO

******


Lenda da Amazônia - O BOTO

Quem viaja pelo interior de qualquer estado da Amazônia, já ouviu falar da lenda de um belo rapaz desconhecido, de roupas brancas, sapatos  brancos e  o característico chapéu branco, que busca encobrir parte do rosto e o buraco que traz no alto da cabeça: É o boto! Nas festas ou à beira dos trapiches, sempre haverá, segundo a crendice popular, um boto a espreitar alguma moça ingênua e, de preferência virgem ou menstruada. Alguns descrevem até o andar da visagem, dizem que é meio desajeitado e que muitas vezes locomove-se com certa dificuldade pelo pouco hábito em terra. Outros, já o descrevem como alguem calado demais para os costumes da região. Por isso, logo se desconfia de que ele é algo sinistro. No entanto, para as moças novas que por ventura estejam a olhar alguma festa de interior, nada de estranho o boto lhes parece. Muito pelo contrário! A paixão é à primeira vista. quando se dão conta já foram conquistadas. Contam os caboclos, que depois que o Boto consegue o que quer, ou seja, conquistar a moça escolhida, sai na carreira e se joga no  primeiro braço de rio ou de igarapé. Nessa hora é que todos se dão conta que não era um rapaz qualquer, mas o BOTO!

******

PREMIO: OBA, OBA...QUERO MAIS!


Recebi da amiga Ju do Blog Serenella este lindo premio. Obrigada pelo carinho Ju.

******

PELADÃO DE LANTERNA NA MÃO

Na Nova Zelândia um policial dormia tranquilamente em sua casa, quando foi acordado por sua mulher que dizia estar ouvindo barulhos estranhos. Quando o policial percebeu que estavam tentando roubar seu automovel, saiu de casa, totalmente nu, levando consigo apenas uma lanterna. O suspeito do roubo, perseguido pelo policial nu, foi detido por uma patrulha. Segundo um policial que acompanhou o caso, o suspeito assustou-se com o policial peladão  correndo atrás dele com uma laterna! A cena deve ter sido hilária!

******

ELEIÇÕES

É uma pena que as eleições deste ano, não sejam também para Senador. Se fossem o "Rei Sol" desocuparia o trono!

******

POESIA

"Querer e poder são dois olhos / uma visão do extremado / e não do fim / a beleza que encanta e tanto eu olho / e a que vejo em ti / e não há em mim / o ter e o querer são por prisão / a razão de fazer-se Sem ter fim / o explendor de uma rosa / quando ela se abre / os teus olhos, também / se alargam assim / bem dizer, mal dizer eternamente / sempre o não / quanto mais eu te falo assim / o suor do teu corpo / inteiro brilho / de um brilhante lapidado por mim / o fazer e o benzer a obra feita / algo bem findado assim / o artista que sonho e que não vejo /nas rajadas do vento no capim / há uma cobra que se mexe quieta / no rítmo que danças para mim". Desconheço o autor.

******

E NÓS?

Se o próprio MS alerta para a ameaça de um surto da Dengue em Porto Velho, como é que os médicos daqui vão ser enviados para ajudar no tratamento da Dengue no Rio de Janeiro? E nós, como ficamos?

******

DENGUE

Vocês sabiam que o mosquito da Dengue pode alojar-se até mesmo na vasilha de água que colocamos para nossos animais, se a água não for trocada e a vasilha lavada diariamente?

******

CRÔNICA DE HOJE: AS CANÇÕES

Os sentimentos que temos, todas as coisas que fazemos e cremos, e a bagagem que conosco trazemos são as canções, que cantamos enquanto crescemos e, às vezes nem percebemos...Essas canções vêm de nossos corações, no rítmo das paixões, das ilusões, das feridas, ou arranhões, das mágoas e dos perdões. Apresentam-se algumas tristes e doídas canções. E...há também sermões em forma de canções. Os atos praticados, alguns até impensados. Uns não tão doces, ao contrário têm o gosto de limões. São também canções que teimamos em ouvir e a decidir que queremos canções repetir e a repartir, com quem também irá com os outros dividir. Diferente da canção de ninar, muitas canções vêm prá falar de desamores e noites sem luar. Cantam tristezas, o desprezo e o sufocar. Orgulham-se de ter o orgulho de amar. Orgulhar-se de amar? Essas canções é bom evitar. Mas, há canções que nos fazem bem pensar. Em nossas mentes devem estar a nos lembrar de parar para meditar na sinfônia do Amar. Quando ela toca vem a todos vigiar, abraçar, e em nosso coração...pousar. É o Sublime Som do Amar! Por: Devany A. Silva

******

POESIA

"Vontade de te esquecer / de não mais te querer /de não ter vontade de te ver / vontade de não mais sofrer /mas, o que fica / é a vontade / de te chamar / de te abraçar / vontade de dizer / te amo / dói o coração no meu peito / uma dor que não tem jeito / um pouco de mim vai embora / nessa vontade louca / de te amar agora". VONTADE - autora: Neusinha

******

FRASE: "Nem o tempo vai apagar, a marca que você deixou no meu coração". Eu...penando!

******

PRESENTE: Recebi da amiga Selene do blog magia-de-encantos este lindo Award.Obrigada Selene.

                                        

 

 

AGORA EU VOU!

                                          

 

 

Neusa P. Rodrigues

 

Email do blog. liamleti@bol.com.br

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

:: Postado por Neusinha às 10h43

:: Enviar esta mensagem

 

 Bom Dia: 1

MINHA  MÚSICA: (...) "Mudou a minha vida / e mais / pedi ao vento pra trazer você aqui / morando nos meus sonhos e na minha memória / pedi ao vento pra trazer você pra mim". (...) O VENTO - Jota Quest

******

HISTÓRIA E VERDADE

Li e achei muito bom, o livro 1808 História e Verdade, do autor Laurentino Gomes, lançado em comemoração aos duzentos anos da Corte portuguesa no Brasil Colônia. O livro contém fatos da época, que não se aprende nem mesmo nas faculdades. Uma parte do livro é um tanto cansativa, (mais ou menos 400 páginas), parece até um TCC, mas com o desenvolver da leitura os fatos apresentados são tão interessantes que dá vontade de ler cada vez mais, e entender um Brasil sempre explorado, as modificações na cultura, a construção do povo brasileiro, o porquê da corrupção, e muitos outros fatos relevantes da nossa história.

******

POESIA

"Borboletas, flores, primavera. Meu amor transformado em quimeras". Neusinha

Borboletas: 5

 

******

CRÔNICA DE HOJE - O BOTO MAROTO

A lenda do Boto é uma das mais comentadas e incríveis da Amazônia, e quem não é da região ouve-a incrédulo, pois como acreditar que um boto disfarçando a cabeça com um chapéu possa seduzir e conquistar belas jovens a ponto de engravidá-las? É para pensar não é mesmo? E falando em boto, vejam o que ele aprontou: "Uma jovem gostava de banhar-se no rio à noite. Sentia-se deslumbrada, com a quietude e a beleza do luar debruçado soobre o rio. Assim, todas as noites, lá estava ela a banhar-se aproveitando o espetáculo que a natureza lhe proporcionava. Até que numa noite, quando o luar brilhava mais que nunca, ele - o Boto - apareceu. Ela apaixou-se imediatamente por aquele tão belo homem e entregou-se a ele vivendo por algum tempo aquele louco e estranho amor. Em pouco tempo o boto deixou de aparecer, e ela desiludida descbriu que estava grávida. No pequeno vilarejo, o comentário era geral, mas todos acreditavam que ela era mais uma vítima dos encantos do boto, inclusive seus pais. Nove meses se passaram, e quando aquele lindo menino nasceu...ele era a cara do marido da vizinha. Eita, boto maroto!

******

PARA REFLETIR - LENDA ÁRABE

Diz uma lenda árabe que dois amigos viajavam pelo deserto, e em determinado momento da viagem discutiram e um deu uma bofetada no outro. O outro ofendido, sem nada poder fazer escreveu na areia: "Hoje, o meu melhor amigo deu-me uma bofetada no rosto". Seguiram adiante e chegaram a um oásis onde resolveram tomar banho. O que havia sido esbofeteado e magoado começou a afogar-se, sendo salvo pelo amigo. ao recuperar-se, pegou um canivete e escreveu numa pedra: "Hoje, meu melhor amigo salvou minha vida". O outro amigo perguntou: -"Por que depois que te magoei escreveu na areia, e agora escreves na pedra? Sorrindo, o outro amigo espondeu: -"Quando um grande amigo nos ofende, devemos escrever onde o vento do esquecimento e o perdão se encarreguem de apagar a lembrança. Por outro lado, quando nos acontece algo grandioso, devemos gravar isso na pedra da memória do coração onde vento nenhum em todo o mundo poderá apagá-lo. Só é necessário um minuto para que se simpatize com alguem, uma hora para gostar desse alguem, um dia para querer bem a alguem, mas precisa de toda uma vida para que se possa esquecê-la. Nós conhecemos as pessoas por acaso, mas não é por acaso que elas permanecem na nossa vida.

******

BEATLES- 40 anos do Álbum Branco

"The Beatles", mais conhecido como ábum branco foi lançado na Grã Bretanha em 1968. É considerado o começo do fim dos Beatles porque já não demonstravam a mesma união de antigamente. John, Paul e George trabalharam várias canções sozinhos e os três usaram os demais como se fossem músicos de estúdio. O álbum branco tem treze músicas de John, onze de Paul, quatro de Geoge, uma de Lennon e MacCartney e uma de Ringo. O álbum branco, será relançado em Cd. Confira matéria completa no edereço: http://oglobo.globo.com/blogs/jamari/

******

POESIA

"Na escuridão da noite / no silêncio do quarto / travesseiros amassados / roupas espalhadas / palavras apenas sussurradas / beijos, abraços / suspiros, gemidos / corpos arfantes / suados /desejos aflorados /na escuridão da noite / no silêncio do quarto / enfim...a plenitude". PLENITUDE - autora: Neusinha

******

FRASE: "A paixão é só uma onda passageira. O amor é um oceano"! Eu,

 inspirada pela chuva que está caindo.

******

DEIXA A CHUVA CAIR!

Neusa P. Rodrigues

Email do blog: lianleti@bol.com.br

                                                       

Volte Sempre: 6

:: Postado por Neusinha às 07h49

:: Enviar esta mensagem

 

 

MINHA MÚSICA: (...) "Olhos rasos d'água / de saudade sua / vou matando o tempo / ando de bobeira / paixão absurda / esse amor não muda / é prá vida inteira". (...)  A SAUDADE É UMA PEDRA -Zezé de Camargo e Luciano.

******

CURIOSIDADE - O DIA DA MENTIRA

O dia da mentira, ou dia dos bobos, surgiu como uma brincadeira na França quando em 1564, o rei Carlos IX determinou que, devido ao calendário gregoriano, o ano novo seria comemorado no dia 1º de janeiro e não mais em 25 de março, quando aconteciam festas que duravam uma semana e só se encerravam em 1º de abril.  Alguns franceses, resistentes  à mudança, passaram a ser ridicularizados pelos gozadores da época, recebendo presentes esqusitos e convites para festas que não existiam. Essas  brincadeiras ficaram conhecidas como plausenteries. No Brasil, o dia da mentira passou a ser difundido a partir da publicação do "A Mentira", periódico de vida curta que, em 1º de abril de 1848, circulou com a falsa notícia do falecimento de D. Pedro. "A Mentira" circulou pela última vez em 14 de setembro de 1949, convocando seus credores para um acerto de contas no dia 1º de abril do ano seguinte, dando endereço inexistente. Fonte: Leitura no ônibus.

******

COMENTÁRIO - A MENTIRA

Existem ditos populares que se estendem através dos tempos. "A mentira tem a perna curta", é um deles. Ontem fiquei pensando no quanto a mentira é condenada, e no quanto ela é falada. Existem mentiras, que a sociedade aceita, e até aplaude. Vocês querem mais do que os aplausos que a maioria dos pilíticos sabidamente grandes mentirosos recebem? Há pessoas que alegam ter mentido por necessidade, por uma causa nobre, mas será que isso também não é mentir? Outras pessoas mentem apenas por mentir, pelo prazer de fazer o outro de idiota, já existem aquelas pessoas que são mentirosas compulsivas, mentem tanto, que para elas a mentira torna-se uma verdade. As pessoas mentem, e vão continuar mentindo. Às vezes mentem para ocultar sentimentos de amor, ou desamor, mentem para agradar os parceiros, mentem por piedade a um doente. Grandes mentiras, pequenas mentiras, mas sempre mentiras. E nesse mundo de mentiras, quando alguem diz a verdade, acreditamos que seja mais uma mentira. Por: Neusinha

******

O GOLPE

Hoje faz 44 anos que João Goulart foi deposto do poder pelos militares. O golpe foi meticulosamente premeditado, desde 1954, quando Getulio Vargas suidou-se. Em 1961, ocorreu a renúncia de Jânio Quadros, que até hoje não foi completamente esclarecida, e então Leonel Brizola encabeçando a Campanha da Legalidade, conseguiu que a Constituição fosse obedecida. Assim, Jango tomou posse, mas o golpe contra ele já estava armado, e no dia 1º de abril de 1964, militares comandados pelo general Olímpio Mourão Filho, concretizaram o golpe e Jango foi deposto. A partir daí foi instalada no Brasil um longo período de 21 anos de ditadura. Anos de dificuldades, de censura, cassações e terrorismo. A morte de Jango, para muitos brasileiros, e principalmente para sua família ainda é um mistério.

******

POESIA

"Bateu o Amor à porta da Loucura / deixa-me entrar - pediu - sou teu irmão / só tu me tirarás da lama escura / a que me conduziu minha paixão / a locura desdenha recebê-lo / sabendo quanto o amor vive de engano / mas estarrece de surpresa ao vê-lo / de humano que era, assim tão inumano / e exclama: - entra correndo, o pouso é teu / mais que ninguem mereces habitar / minha casa infernal, feita de breu / enquanto me retiro, sem destino / pois, não sei de mais triste desatino / que este maç sem perdão / o mal de amar".  CONFRONTO - Carlos Drumond de Andrade

******

FRASE: "Se não tiver paixão, se não tiver emoção, se não me arrancar do chão, não vale". Hoje estou inspirada!

******

CRÔNICA DE HOJE: NINGUEM ME ENTENDE

Ando parecendo um zumbi. Me sinto sem rumo, sem saber o que fazer, sem vontade para nada. Fico pensando e parece que ninguem me entende, ou talvez nem eu mesma esteja me entendendo. As pessoas geralmente são egoistas, pensam apenas em si mesmas. Até mesmo aquelas nas quais eu mais confio, parece que estão distantes, e não se importam com o que se passa  comigo, outras só me procuram quando precisam de algum favor. E eu estou sempre sorrindo, sempre pronta a ouvir, a ajudar, mas quem me ouve, compreende e ajuda? Ninguem, talvez porque pensem que pelo fato de eu estar sempre sorrindo, esteja tuudo lindo, maravilhoso para mim. Será que nem mesmo as pessoas que me conhecem, mesmo vendo meu sorriso, que até dizem ser minha marca registrada, não conseguem ver que por dentro estou chorando? Será que ninguem percebe o que se passa no meu coração? Quem consegue entender a minha solidão, a minha angústia, a minha tristeza, os meus sonhos e meus desejos? Quem vai me entender, e vai perceber que estou precisando de ser ouvida, que preciso de colo, como tantas outras pessoas precisam? É ninguem me entende mesmo! autora: Neusinha

******

POESIA 2

"Viajo por entre as cores / em meio às flores / viajo com meus pensamentos / nos momentos / os amores / as dores / a fantasia / a mágia da poesia / que faço, sem rimas / sem teoria,ou metodologia / poesia da alma / que acalma / e então viajo / por entre as cores das flores / da mágia da minha poesia". MINHA POESIA - autora: Neusinha

******

FRASE 2 "A pessoa que idealizei, que acreditei existir é uma mentira" Eu...pensando!

 

"Aos amigos  que estão me prestigiando ao ler e comentar este blog, ofereço estas flores, em agradecimento ao carinho de todos"!

POR HOJE É SÓ!

Neusa P. Rodrigues

email do blog: lianleti@bol.com.br

:: Postado por Neusinha às 09h20

:: Enviar esta mensagem

 

MINHA MÚSICA: (...)"Eu sou tua saudade reprimida / sou teu sangrar, ao ver minha partida / sou o teu peito a apelar, a gritar de dor / ao se ver ainda mais distante do meu amor". (...) MEU EU EM VOCÊ - Vitor e Léo

******

ENCANTAMENTO:

Fiquei encantada ao ler o blog da amiga Selene. Confiram no endereço: http://magia-de-encantos.zip.net

******

POESIA

"Teu amor entrou na minha vida / violentamente / como um sopro de vento / abrindo a janela de repente / teu amor desarrumou o meu destino / arrancou da parede retratos queridos / e quebrou uma jarra / no canto da minha alma / cheia de rosas / cheia de sonhos / depois...? teu amor saiu da minha vida de repente / como um sopro de vento / fechando uma porta / violentamente". VENTO - Carlos Drumond de Andrade

******

CRÔNICA DE HOJE: DIVAGANDO

Tudo parecia correr muito bem para mim. Minha carreira numa boa, minha família também, isto é, sentia-me levando uma vida estável, equilibrada e tranquila emocionalmente. Mas, um dia toda minha estabilidade, minha tranquilidade, desmoronou. Meu emocional ficou em cacos, fiquei confusa, ansiosa, como se fosse uma adolescente. O pior de tudo isso, é que eu ainda não consegui resolver a situação. É aquela coisa de algo não resolvido, não conversado, que fica martelando na minha cabeça e no coração. Eu não consigo aceitar certas injustiças, não sei conviver com o fato de intrigas não serem esclarecidas. Existem fatos, que eu deveria aceitar como uma verdade irreversível, mas não aceito porque eu havia construído um lindo castelo de sonhos, que alguem por maldade destruiu, mas que com certeza construirei novamente, pois não deixei de sonhar, de acreditar, e jamais deixarei de lutar.  Por, Neusinha.

******

LOUCURA X AMOR

A loucura resolveu convidar os amigos para um café em sua casa. Todos os convidados foram. Após o café, a Loucura propôs: -"Vamos brincar de esconde, esconde"? -"Esconde, esconde? -"O que é isso, perguntou a Curiosidade. - "Esconde, esconde é uma brincadeira. eu conto até cem e vocês se escondem. Ao terminar de contar, eu vou procurar, e o primeiro a ser encontrado será o próximo a contar. Todos aceitaram, menos o Medo e a Preguiça. "-1,2,3..., a Loucura começou a contar. A Pressa escondeu-se primeiro, num lugar qualquer. A Timidez, tímida como sempre, escondeu-se na copa de uma árvore. A Alegria correu para o meio do jardim. Já a Tristeza começou a chorar, pois não encontrava um lugar apropriado para se esconder. A Inveja acompanhou o Triunfo,  escondeu-se perto dele debaixo de uma pedra. O Desespero ficou desesperado ao ver que a Loucura já estava e noventa e nove. -"Cem!, gritou a Loucura, e começou a procurar. A primeira a aparecer foi a Curiosidade, já que não estava aguentando para saber quem seria o próximo a contar. Ao olhar para o lado a Loucura viu a Dúvida em cima da cerca sem saber em qual dos lados ficar para se esconder melhor. E assim,foram aparecendo, a Alegria, a Tristeza, a Timidez. quando estavam todos reunidos, a Curiosidade perguntou: _"Onde está o Amor"? Ninguem o tinha visto. A Loucura começou a procurá-lo. Procurou em cima da montanha, nos rios, debaixo das pedras, e nada do Amor aparecer. Procurando por todos os lados a Loucura viu uma roseira, pegou um pauzinho e começou a procurar entre os galhos, quando de repente ouviu um grito. Era o amor gritando por ter furado o olho com um espinho. A Loucura não sabia o que fazer. Pediu desculpas, implorou perdão do amor, e até prometeu seguí-lo para sempre. O Amor aceitou as desculpas. Hoje o amor é cego, e a Loucura o acompanha sempre.

******

POESIA

"A esperança de felicidade me invade diariamente / toma conta de mim uma alegria sem fim /sinto vontade de rir / e fazer você rir também / a sensação é de tranquilidade, de paz / vago distraída nesse momento /no rumo dos meus pensamentos / calma / tranquila / silenciosa / pensar em você, não doi / porque esse amor / nada destrói / conservo em mim / a esperança da felicidade / tranquilamente / penso em você, com um sorriso / te amei ontem / e hoje vou te amar ainda mais". AINDA MAIS - autora; Neusinha

******

FRASE: "Ainda seremos"! Eu, para?

 

Recebi este lindo selinho dos amigos:

 

Estarei enviando este selinho para dez amigos, conforme a regra.

UMA LINDA SEGUNDA FEIRA PARA TODOS!

Neusa P. Rodrigues

Email do blog: lianleti@bol.com.br

 

 

 

 

:: Postado por Neusinha às 07h49

:: Enviar esta mensagem